Coronavírus: A Igreja saiu do prédio

A Igreja foi feita para tempos como esses. Se a Igreja não é relevante para um mundo sob o domínio do coronavírus, não é relevante.

À medida que a sombra do Coronavírus cai sobre o mundo, poderia ser uma oportunidade para a Igreja ser a luz que sempre deveria ser? As igrejas estão tendo que fechar suas portas. A adoração como de costume parou, por enquanto. Isso significa que a própria igreja foi colocada deu uma pausa?

Não. Porque a igreja nunca foi feita para ser apenas tijolo e argamassa. Essa crise pode realmente ser uma chance para a Igreja estar no seu ponto mais centralizado em Cristo. É uma chance da igreja ser igreja – cumprir sua missão de servir os mais vulneráveis ​​e ser uma fonte de esperança em um momento em que a esperança parece difícil de encontrar.

Nós somos construídos para o relacionamento. Somos feitos para a comunidade. Nós precisamos um do outro. O que isso parece em um mundo de auto-isolamento é algo que vamos ter que descobrir. Já vimos exemplos disso acontecendo – pessoas alcançando vizinhos com quem nunca haviam interagido. Cartões postais apareceram nas caixas de correio oferecendo ajuda a pessoas que não conseguem sair.

A Igreja foi feita para tempos como esses. Se a Igreja não é relevante para um mundo sob o domínio do coronavírus, não é relevante.

Adorar juntos no domingo é uma parte importante da igreja, mas não é a parte mais importante. Orando juntos, cantando juntos, partindo o pão juntos – esses são componentes vitais do que significa ser uma comunidade cristã. Mas eles não são os componentes mais vitais. Então o que são?

Clique aqui e continue lendo o artigo.

Nota: Artigo publicado originalmente em inglês no site da Tearfund

Comments

comments

Junte-se à campanha

Por favor, acrescente seu nome para receber atualizações por e-mail e fazer parte da campanha!